Dia do Consumidor em 2021 tem faturamento de R$ 6,3 bilhões no e-commerce

São Paulo – SP 30/4/2021 –

Lojas virtuais faturaram 85% a mais e tiveram aumento de 4,7% no ticket médio em relação ao ano passado

Comemorado no dia 15 de março e considerado a Black Friday do primeiro trimestre no Brasil, o Dia do Consumidor trouxe resultados muito positivos para o setor do comércio eletrônico nacional em 2021. Durante o intervalo de 2 a 15 de março, o faturamento das vendas on-line alcançou os R$ 6,3 bilhões, crescimento de 85% em relação ao mesmo período do ano passado, quando as lojas virtuais registraram um ganho de R$ 3,4 bilhões.

Os dados são do relatório sobre o comportamento do público durante a data, produzido pelas plataformas de Marketing Digital All iN e Social Miner, com apoio de empresas como Lett, Etus, Yapay, Neotrust, Clearsale, Octadesk, Tray e Opinion Box. O estudo revela ainda que, somente no dia 15, o e-commerce brasileiro faturou R$ 592 milhões.

Faturamento, ticket médio e variação de preços

Ao longo dos 14 dias de análise, quatro categorias se destacaram no número de pedidos recebidos: Moda e Acessórios (21%), Eletrônicos e Informática (18%), Beleza (14%) e Casa e Construção (12%). Quando o assunto é ticket médio entre as categorias que mais faturaram, o top 5 foi formado por: Telefonia (R$ 1.714), Eletrodomésticos e Ventilação (R$ 1.221,60), Informática e Câmera (R$ 1.081,60), Entretenimento (R$ 372,10) e Móveis, Construção e Decoração (R$ 504,40).

Vale ressaltar que o ticket médio geral das vendas em 2021 teve alta de 4,7% na comparação com o ano anterior, saltando de R$ 429,60 para R$ 447,50. Só no dia do evento, a média de gastos dos consumidores foi de R$ 468,40. Enquanto o público masculino desembolsou R$ 544,10 (em 2020 havia sido R$ 486,73), as mulheres investiram cerca de R$ 380,30 em compras, apenas 21 centavos acima da marca registrada há 12 meses.

Já em relação aos preços, as categorias que apresentaram maior variação de valores foram as de Utilidades Domésticas, Bebês e Cuidados Diários. As lojas de móveis para bebê tiveram uma das diminuições de preço mais significativas do mercado na comparação com 2020. Produtos de mobília infantil, como berço funcional, kit berço e cama, além de artigos e roupas para crianças pequenas, tiveram queda de 19,9% nos valores de venda no período de 2 a 15 de março e de 17,5% no dia do evento.

A força do e-commerce

Não é mais novidade para ninguém que a pandemia da Covid-19 vem impulsionando cada vez mais o número de vendas on-line no Brasil e no mundo. Com toda essa mudança no hábito de compra das pessoas, as marcas e empresas vêm apostando fortemente no Marketing Digital e nas redes sociais, por isso, no Dia do Consumidor, esse trabalho foi fundamental para o sucesso de vendas.

Segundo um outro estudo da All iN, Social Miner e Opinion Box, intitulado “A opinião do consumidor sobre experiências omnichannel”, 27% dos consumidores revelaram utilizar o Instagram como ferramenta de busca de lojas (físicas ou virtuais), enquanto outros 22% fazem esse mesmo tipo de pesquisa pelo Facebook.

O mesmo levantamento também revela números interessantes sobre os investimentos em anúncios. Uma análise feita entre os dias 19 de fevereiro e 1º de março e entre 2 e 15 de março indica um aumento de 17,3% nas publicações patrocinadas, 21% nos valores de mídia paga e 29,3% no agendamento de campanhas Marketing.

Website: http://www.tulipababy.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *