Dia dos Namorados: estimativa espera 2,5% de alta nas vendas no período

Maringá – PR 17/6/2021 –

Fernando Lorenzzo, sócio-fundador da MVCK, e-commerce de moda masculina, acredita que o e-commerce será precursor de muitas vendas durante o Dia dos Namorados

No dia 12 de junho aconteceu o Dia dos Namorados no Brasil. A data escolhida também comemora o Dia de Santo Antônio, conhecido por ser um santo “casamenteiro” em algumas culturas. Além disso, João Doria, publicitário que introduziu uma campanha que sugeria a demonstração de amor e comemoração com a troca de presentes, considerava o mês de junho fraco para as vendas. Ainda assim, outros países já cultivavam o hábito de presentear na data em questão há algum tempo. Nos Estados Unidos, por exemplo, a tradição começou em 1840, com cartões. Dessa forma, há muitos anos o Dia dos Namorados movimenta o comércio em todo mundo.

De acordo com a CNC, Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismos, o faturamento da data no ano de 2021 deve ser de R$ 1,65 bilhão. O valor representa crescimento 2,5% em volume de vendas em relação a comemoração do ano anterior.

Preferências de compra

Quando o assunto é aproveitar o Dia dos Namorados, os brasileiros logo são citados. De acordo com dados disponibilizados pela Picodi.com, o país é um dos que mais adere à comemoração, com participação de mais de 82% da população. Além disso, muitos estão dispostos a presentear. Ainda citando a fonte anterior, pode-se constatar que quase metade dos homens presenteará seu par com um jantar romântico, enquanto 32% comprará roupas. 

Já para o público feminino, a preferência de compra é roupa, primeira opção para 40% das mulheres, seguido por perfumes. Pode-se constatar que o ticket médio para a época é de R$ 214, deixando os brasileiros no ranking dos mais dispostos a gastar com presentes. 

Fernando Lorenzzo, sócio-fundador da MVCK, e-commerce de moda masculina, diz que, seguindo as últimas tendências de consumo, a internet deve ser a precursora de compras no Dia dos Namorados. “Poder comprar por vias digitais traz uma nova possibilidade. De qualquer forma, isso não quer dizer que a experiência de escolha das peças será diferente por conta da distância”, explica. 

A MVCK, por exemplo, tem como estratégia a experiência de compra personalizada. Por isso, faz o possível para se manter conectada aos consumidores mesmo de longe. “Para a data em questão, nós destacamos opções variadas de presentes, uma vez que sabemos da importância deste canal de vendas em tempos de distanciamento social”, enfatiza Logan Lobato, também sócio da marca.

Para conferir condições especiais e mais informações, basta acessar: https://www.mvck.com.br/

Website: https://www.mvck.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *