Franquias: segmento de saúde, beleza e bem-estar cresce, apesar da pandemia

São Paulo, SP 19/3/2021 – Tivemos um crescimento de 67% em número de unidades , somos a terceira franquia que mais cresceu entre as 50 maiores em 2020.

Aumento foi de 3,1%; segundo especialistas do setor, a explicação envolve o modelo de negócio, se foi considerado serviço essencial, necessidade da população, dentre outras

De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o setor de franquias faturou R$ 167,1 bilhões em 2020, uma queda de 10,5% em relação ao ano passado. A pandemia do novo coronavírus foi a grande responsável pelo recuo, mas esse resultado não se refletiu em todos os segmentos.

Segundo dados da entidade, apenas dois apresentaram um crescimento expressivo no ano passado, sendo um deles o de saúde, beleza e bem-estar: um aumento de 3,1%. As razões, explicam especialistas, são variadas e envolvem o modelo de negócio, se foi considerado serviço essencial, necessidade da população, dentre outros.

Esse é o caso, por exemplo, do Mercadão dos Óculos, franquia de óticas fundada em São José do Rio Preto (SP). Apesar do período de instabilidade, a marca cresceu 67% em número de unidades em 2020. Tal número fez com que a rede saltasse da 70ª posição em 2019 para a 42ª, entrando para o ranking das 50 maiores franquias do Brasil. Atualmente, entre lojas em operação e em implantação, a rede soma mais de 500 franquias.

“Fomos a terceira franquia que mais cresceu entre as 50 maiores em 2020”, comenta Gustavo Freitas, diretor-executivo do Mercadão dos Óculos. Segundo Freitas, o crescimento da rede de forma geral e, em plena pandemia, está relacionado ao posicionamento de negócio da marca, e nos investimentos feitos ao longo do anos.

O diretor-executivo do Mercadão dos Óculos explica que as óticas foram consideradas serviços essenciais durante a pandemia e puderam funcionar em fases mais restritas. “Outra vantagem para nós é o fato de 95% de nossas franquias serem lojas de rua, ou seja, não enfrentaram as restrições do comércio em shoppings”.

Outro ponto destacado pelos especialistas é o investimento em novas tecnologias. Freitas ressalta que nos últimos anos a rede promoveu algumas novidades para o franqueado, por exemplo, investimento em marca própria e em inovação com tecnologia de venda. “Com essas ações, a rede aumentou seu ticket médio e faturamento médio por loja”, acrescenta.

Para este ano, o Mercadão dos Óculos planeja inaugurar 200 unidades e comercializar outras 250. De acordo com o diretor-executivo, a rede atuará em diferentes frentes, por exemplo, ampliar a presença nas capitais, mas também em cidades com até 30 mil habitantes – para qual a franquia possui um modelo de negócio específico.

“Estudos atestam uma busca cada vez maior da população pela saúde ocular. Isso e todo o trabalho da franqueadora têm se sobressaído mesmo em um cenário desfavorável à economia, e a tendência é que continue assim, com ou sem pandemia”, pondera.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que 35% da população mundial tenha miopia. Esse número irá subir para 52% até 2050, ainda segundo a entidade. Passar muito tempo com olhos voltados para telas de smartphone e televisão é uma das explicações para esse surto. Ou seja, trata-se de uma questão de saúde com uma demanda maior a cada ano.

Website: https://mercadaodosoculos.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *