Para suprir déficit por profissionais com formação tecnológica, empresas aderem a projetos de capacitação digital de jovens

Ribeirão Preto, SP 21/5/2021 – Um dos aspectos importantes nesse projeto é que, além da capacitação em tecnologia, o projeto também estimula o desenvolvimento das habilidades emocionais

Uma das iniciativas é apoiada pela SMARAPD, empresa de Ribeirão Preto-SP que atua na área de softwares para gestão pública e dados variáveis. A empresa é patrocinadora do Projeto Kick, que tem incentivado a transformação do mercado de tecnologia, capacitando jovens que estão no ensino médio.

Nunca houve tantas vagas de emprego em tecnologia. Mas isso pode não significar exatamente uma boa notícia e sim um problema para o país. A pandemia acelerou a necessidade de digitalização e hoje já faltam profissionais com formação tecnológica no mercado.

A Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e de Tecnologias Digitais (Brasscom) estima que o déficit de profissionais pode chegar a 260 mil até 2024.

Para se ter uma ideia da necessidade, um levantamento feito pela Catho, na grande São Paulo, revelou um salto na oferta de vagas entre o ano de 2019 e o ano de 2020. Somente para vagas de desenvolvedores, por exemplo, o aumento foi de 517%.

Considerando que apenas 20% dos jovens estudantes de escolas públicas passam por algum tipo de formação tecnológica, foi criado o projeto Kick e a SMARAPD, empresa de Ribeirão Preto-SP, com atuação em todo Brasil na área de tecnologia voltada para a gestão pública e privada, é patrocinadora desta ação com apoio à formação de jovens na área da tecnologia.

“Um dos aspectos importantes nesse projeto e que gostamos de reforçar é que, além da capacitação em tecnologia, o projeto também estimula o desenvolvimento das habilidades socioemocionais. E isso é muito importante para que eles possam trilhar uma jornada prática e resolver problemas reais, colaborando para alcançar seus objetivos”, explica Sheila Lima, coordenadora de RH.

Olhar Socioemocional

O desenvolvimento das habilidades socioemocionais dentro do Programa Kick conta o suporte do Instituto Ser Educativo. De acordo com a educadora Andrea Rosin, o instituto surgiu da necessidade das pessoas (crianças, jovens e adultos) em aprender e aprimorar as habilidades sociais e emocionais diante de tantas mudanças requeridas pela sociedade e sobretudo, lidar com as emoções e desafios diante das relações interpessoais.

“Estamos atuando para desenvolver nos jovens tanto a preparação tecnológica para a inserção no mercado e que carece de profissionais de tecnologia quanto o desenvolvimento socioemocional que é a aprendizagem de habilidades especificas e que os ajudam a liderar situações cotidianas, se comunicar, agir empaticamente, trabalhar em equipe, entre outras habilidades”, explica Rosin.

A educadora comenta ainda que, diante de uma geração fragilizada e sensível às suas próprias dificuldades, é preciso trabalhar essas situações que faz com esses jovens tenham medo de se comunicar e tenham dificuldade de serem assertivos. A trilha socioemocional ajuda na potencialização dessas capacidades de lidar com situações cotidianas da vida pessoal e social.

“Esses aspectos são muito importantes para as relações pessoais e de trabalho e o programa está avançado nesse sentido, trazendo as questões emocionais e propondo uma intervenção capaz de estabelecer melhorias efetivas na vida pessoal e no trabalho”, comenta.

O programa e as capacitações têm sido conduzidos por meio de lives nos quais os facilitadores falam com o público participante sobre assuntos práticos do mercado de trabalho e também com foco no desenvolvimento das habilidades socioemocionais.

As atividades podem ser acompanhadas nos canais digitais do projeto, site e redes sociais: https://soukick.com.br/ e @soukick.

Há vagas!: ferramenta digital busca agilizar recrutamento e seleção

A escassez por profissionais vivenciada pela SMARAPD foi um grande motivador para a adesão ao projeto de capacitação, além de reforçar o compromisso com o futuro do setor e a qualificação profissional.

Em tempos de pandemia, com fechamentos de postos de trabalho e muitas mudanças no mercado, a SMARAPD atualizou a sua Página de Carreira com o intuito de facilitar o processo de divulgação e preenchimento do interesse pelas vagas abertas na empresa.

O link de acesso para conhecer as oportunidades e vagas disponíveis é o smarapd.gupy.io. O acesso à página é público e o cadastro de currículos gratuito.

Atualmente são mais de 50 vagas abertas com foco em tecnologia.

Website: http://www.smarapd.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *