Empreendedorismo saudável pode ser alternativa para driblar impactos da pandemia

Uberlândia – MG 21/5/2021 – A principal área de atuação da empresa é de bebidas saudáveis, inserida em um mercado que movimenta mais de R$ 90 bilhões no mundo

Procura por alimentação saudável pronta cresceu 33% nos últimos cinco anos e deve crescer mais 25% até 2025

O empreendedorismo, para muitas pessoas, sempre foi uma alternativa de renda. Só em 2019 a taxa de brasileiros empreendedores foi de 23,3%, segundo pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor (GEM). A pandemia impulsionou ainda mais este cenário e em 2020 foram abertas mais de 3 milhões de novas empresas; é o que aponta levantamento do Serasa Experian.

O setor de saúde e bem-estar é um dos maiores e mais lucrativos do planeta. Ano após ano a expectativa de vida do brasileiro cresce e com isso as pessoas têm buscado aumentar a qualidade vital em todos seus aspectos. Muitos médicos, nutricionistas e outros profissionais da saúde ressaltam a importância de se cuidar, principalmente, quando o assunto é alimentação. Só o setor de bebidas saudáveis movimenta mais de R$ 90 bilhões no mundo. Segundo dados da Euromonitor Internacional nos últimos cinco anos o setor de comida saudável pronta cresceu 33% e até 2025 deve crescer mais 27%.

De olho neste mercado que não para de crescer, a NewAge + Ariix, empresa do setor de bem-estar e saúde, com foco em vendas diretas, chega ao país em meio à pandemia. Presente em mais de 70 países no mundo a companhia tem como objetivo gerar mais qualidade de vida por meio de produtos sem açúcar e aditivos químicos, produzidos com nanotecnologia para efeitos mais duradouros, mas também tem como intuito movimentar o cenário empreendedor brasileiro que está em franca expansão.

A NewAge + Ariix possui capital aberto e ações negociadas na NASDAQ, a bolsa de valores dos Estados Unidos que concentra as empresas inovadoras e de tecnologia. Só no último ano a companhia faturou R$ 3 bilhões e está em busca de empreendedores que pretendem conquistar a independência financeira. Para isto trouxe uma proposta utilizando as vendas diretas e o marketing de relacionamento como ferramentas.

O Brasil é um dos seis maiores mercados de venda direta do mundo, segundo a ABEVD, Associação Brasileira de Vendas Diretas, tem em torno de quatro milhões de empresários atuando no setor e movimenta cerca de R$ 45 bilhões. O modelo de negócios da marca é considerado pela Business For Home, órgão que ranqueia empresas do setor de vendas diretas em tempo real, como o melhor plano de pagamentos da indústria.

Em 2016 a companhia era avaliada em US$ 2 milhões e, em cinco anos, viu o faturamento saltar para US$ 260 milhões. A NewAge e a Ariix eram empresas independentes uma da outra e após a fusão, no ano passado, viram a receita quase dobrar. Hoje a marca é a 17ª empresa do mundo em vendas diretas e até 2023 tem a previsão de contar com mais de 140 mil consultores.

Para Camila Stuani, líder de expansão da empresa no Brasil, o momento atual da pandemia com a COVID-19 pode ser visto como alternativa para pessoas que precisam e querem se reinventar. “A NewAge + Ariix tem a missão de inspirar e elevar o espírito humano! Muitos brasileiros perderam seus empregos ou vivenciaram uma redução salarial por conta da pandemia e do isolamento social. Nós formatamos o nosso modelo de negócio para se adaptar à pandemia e também à vida moderna e digital. Nossos consultores podem trabalhar de onde desejarem com ferramentas digitais e não precisam entregar o produto, porque nosso centro logístico cuida de tudo”. Comenta Stuani que acredita que a venda direita é baseada em relacionamento.

A Empresa já disponibiliza canal de contato no país. Mais informações: https://trabalhecomigo.online/camilastuani

 

Instagram: https://www.instagram.com/camilabstuani/

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/camila-b-stuani-418b4a209/

Website: https://trabalhecomigo.online/camilastuani

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *