publico alvo

Como influenciar o seu público-alvo

Um dos grandes desafios de uma empresa é entregar um produto ou serviço que satisfaça as necessidades de seu público-alvo. A conexão entre uma marca e seu público, no entanto, está além dessa relação direta.

Um consumidor geralmente não está atrás apenas da qualidade de um produto, mas também dos valores a eles atribuídos. Mesmo que, em muitos casos, nem o próprio consumidor esteja consciente sobre essa procura.

Ou seja, se nem o público possui um conhecimento claro sobre aquilo que procura, o que dizer sobre os negócios, que deveriam empregar tais conceitos em suas ações.

Dessa forma, antes de querer influenciar o seu público, é necessário compreender suas motivações e o que ele busca. Se possível antecipando esse processo de conhecimento.

Por que uma marca deve trabalhar sua influência?

O público lida com diferentes fatores ao decidir comprar ou consumir um serviço em específico. Questões que passam por razões técnicas, como preço e qualidade, mas existem também os fatores emocionais, em algumas áreas até mais importantes.

Uma consultoria de TI para pequenas empresas se beneficiará da recomendação vinda de clientes anteriores. Essa ação cria um sentimento de prestígio para a marca, o que para o público pode representar uma maior sensação de segurança ao escolher tal serviço.

Todo esse empenho em tornar sua marca em algo de maior relevância para o público, a destacando em relação aos concorrentes, é benéfico para amplificar o progresso do seu negócio, tanto financeiro como social, com o espaço que ele passa a ocupar.

Isso está além de apresentar um produto melhor, lidando com a importância da sua marca na vida das pessoas. 

O que é necessário para influenciar o seu público?

Diversas estratégias e técnicas são importantes para que o público-alvo seja atingido. Pensando nisso, separamos as principais dicas sobre o assunto, sendo elas:

Defina o seu público-alvo

A definição do seu público-alvo depende de um detalhado estudo sobre a sua área de atuação. Pontos que tornem possível decifrar a melhor segmentação a ser seguida. Não apenas na sua comunicação, em alguns casos até no desenvolvimento do produto.

Por exemplo, uma empresa de aparelhos eletrônicos, após uma análise de mercado, pode perceber que as grandes fábricas necessitam de formas mais rápidas de controlar a entrada e saída dos funcionários.

Pensando nisso, a companhia passa a investir também na produção de um relógio de ponto homologado, que facilite esse serviço e satisfaça uma necessidade que ainda não foi mapeada pelo próprio cliente em potencial.

Essa premeditação só é viável graças a um conhecimento amplo do seu público, assim como a possibilidade de expansão dele. Para se chegar a tal afirmação é preciso analisar diversos fatores do público, entre eles: 

  • Geográficos (país, cidade, região);
  • Demográficos (idade, gênero, renda);
  • Psicográficos (valores, interesses, estilo de vida);
  • Comportamentais (uso do produto, o que motiva a compra).

Além de outros detalhes que possam ser úteis para o seu negócio em questão.

Produza conteúdos que falam com o seu público

Tendo um perfil detalhado do público, é chegado o momento de saber como se conectar a ele. Ao oferecer conteúdos que chame a atenção da sua audiência, a marca fortalece a ligação do público à ela.

Trabalhada essa conexão, o público-alvo pode se sentir mais propenso a consumir os seus produtos, independentemente do seu setor de ação. Ao contrário do que se costuma pensar, a produção de conteúdo não é exclusiva de grandes empresas.

Um negócio que trabalha com a fabricação de portões, por exemplo, pode falar sobre a importância de se reforçar a proteção de seu comércio, por meio de informes publicitários.

Dentro desse conteúdo, a marca pode indicar alguns produtos do seu catálogo de atuação, como uma porta de enrolar automática. E diante a relação de confiança que possui com a marca, o público será influenciado a adquirir o produto para a sua loja.

Trabalhe com influenciadores

Outra forma de desenvolver a influência da marca, é por parcerias com profissionais que já tenham um poder de atuação com esse grupo em específico.

Ao ver uma pessoa de prestígio compartilhando os benefícios de se consumir uma marca específica, o público desse influenciador pode se sentir mais motivado a adquirir os serviços da empresa em questão.

A recomendação de um influenciador que trabalhe com temas do setor de segurança terá um peso importante na decisão de compra de produtos relacionados à área por seu público.

Sendo assim, ele é a pessoa ideal para um anúncio televisivo sobre a importância de se instalar uma camera de vigilância, por exemplo, em seu empreendimento habitacional.

Conclusão

Pois bem, com a simples implementação desses passos, o seu negócio pode caminhar para o progresso, contando com o apoio do público para isso, que, em muitos casos, é o maior aliado que uma empresa pode ter.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *