Especialista detalha como empresários devem escolher um novo ERP

Rio de Janeiro, RJ. 27/7/2020 –

Com a crise do novo Coronavírus, muitas empresas precisaram reduzir custos para sobreviver. O especialista em gestão industrial, Rafael Netto, explica quais são os passos que um empresário precisa tomar para fazer a decisão certa na hora de trocar de sistema ERP.

O especialista em gestão industrial e sócio da Nomus, Rafael Netto, listou quais são os passos que todo empresário deve tomar na hora de pesquisar um novo sistema ERP.

Com a crise do novo Coronavírus, muitas empresas precisaram substituir o sistema ERP para reduzir custos e aumentar a produtividade, entretanto, de acordo com o especialista, essa não é uma tarefa simples.

Segundo Rafael Netto, é preciso tomar alguns cuidados na hora de escolher a ferramenta ERP ideal para uma empresa. Para facilitar o entendimento, o especialista listou os principais passos a serem seguidos:

1. Levar a troca de sistema a sério

Rafael diz que a troca de um sistema ERP pode ser uma tarefa demorada e custosa para a empresa. Por isso, o empresário deve fazer uma boa pesquisa antes de tomar a decisão final. Dessa forma ele evita retrabalho e prejuízo.

2. Verificar a tecnologia utilizada

É fundamental que o sistema ERP escolhido use tecnologia de ponta, preferencialmente web e que a usabilidade do sistema seja fácil. Segundo Rafael, um sistema dificil de usar enfrenta maior resistência dos funcionários da empresa e pode aumentar muito o custo de implantação da ferramenta.

3. Avaliar o suporte da empresa

De acordo com Rafael, é preciso avaliar bem o suporte oferecido pela empresa de ERP escolhida. O especialista indica testar quais são os canais de atendimento, a velocidade das ligações e a experiência em geral do setor de suporte.

4. Avaliar a implantação da empresa

É preciso também entender bem como funciona todo o planejamento e execução da implantação e treinamento da equipe para a utilização da nova ferramenta. Segundo Rafael, de nada adianta comprar uma ferramenta poderosa que não funcione no dia a dia da empresa.

5. Pedir uma demonstração

Por último, Rafael alerta que uma empresa nunca deve fechar negócio com um sistema ERP sem ver uma demonstração do sistema. Isso porque o empresário precisa verificar se aquilo que está sendo prometido de fato existe e que funciona bem.

Para saber mais detalhes, o autor recomenda conhecer o sistema oferecido pela Nomus https://www.nomus.com.br/erpindustrial/ e também a leitura do artigo original no link abaixo.

https://www.nomus.com.br/blog-industrial/como-escolher-um-erp/

Website: https://www.nomus.com.br/blog-industrial/como-escolher-um-erp/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *