21

Manter o corpo em dia, os braços e as pernas fortes, o bumbum durinho, as coxas torneadas e os tríceps saltados, um peitoral de aço! Geralmente são as preocupações de muitas pessoas, principalmente quando entra o verão e logo surge a oportunidade de poder desfilar por aí seu corpo de causar inveja, ah quem não gosta não é mesmo?

Ou então torna-se a primeira opção quando superarmos essa pandemia, voltando às atividades físicas e investindo novamente no corpo com academia, corridas ao ar livre, caminhadas, etc., muito importante tudo isso.

Porém, uma parte de nós necessita tanto quanto todas essas citadas acima de bons exercícios, cuidados com a saúde, dedicação diária e poder enfim desfilar suas habilidades por aí: o nosso cérebro.

Muitas vezes nos esquecemos de quem praticamente dá a todo o corpo essa condição, de poder estar sempre apto e em boas qualidades, é justamente um “sujeito” muitas vezes deixado de lado o cérebro – principalmente com as facilidades tecnológicas dos dias atuais. E mais do que nunca vimos a necessidade de se praticar atividades que fazem com que o cérebro e o bem-estar estejam bem cuidados e com a saúde em dia, nesses tempos de pandemia onde nossa residência virou nosso refúgio.

Sem que o cérebro esteja afiado e saudável, todo o restante não irá funcionar bem. E é aí que entram os cuidados com os famosos neurônios, exercite-os! Mantenha-os saudáveis e ativos, mas você pode se perguntar: “Como?”.

Alguns exercícios são básicos para manter saudável e com bom desempenho o seu cérebro, e basta começar a praticar e com certeza você perceberá uma resposta de rendimento imediata. Talvez o mais simples desses exercícios esteja disponível de forma tão básica que, sequer você note que o faz a quase todo momento: ler!

Porém, há diferença da leitura habitual seja no seu trabalho, nas suas aulas, ou mesmo ao ler um anúncio enquanto espera pelo ônibus no ponto, para a leitura que realmente seja um exercício mental e de aprendizado para o seu cérebro. Se difere e muito da leitura que você faz no conforto de seu lar, numa área externa com o ambiente propício para relaxar a mente e exercitar o cérebro com a prática da leitura saudável.

A prática indicada de exercício para o cérebro com a leitura, é quando você lê um bom livro, ou uma revista, jornal, qualquer que seja o seu gosto por esse meio, mas que esteja concentrado e dedicado somente àquilo. Afinal, assim o seu cérebro absorverá a informação e estará em exercício pleno, trabalhando no aprendizado.

Também uma ótima forma de exercitar o seu cérebro é aprendendo algo novo. Estude um idioma, aprenda um instrumento musical, parta para o aprendizado de algo que você nunca pensou! Um estudo de uma universidade alemã indica que “Pessoas que praticam atividades intelectuais regularmente, reduzem em 62% o risco de doenças cognitivas, como o Alzheimer”.

Portanto, exercite o seu cérebro! Até mesmo tomar bastante água é uma forma de manter o bom funcionamento dos neurônios, como explica o psiquiatra americano especialista em distúrbios cerebrais, Daniel Amen: “Cerca de 80% do cérebro é composto por líquidos. Se você não estiver hidratado, seus neurônios não funcionarão bem”. Beba sempre uma média diária de 2 a 3 litros d’água.

Tão importante quanto exercitar o seu corpo é exercitar o cérebro. Afinal, um bom funcionamento desse “carinha” tão importante é também a melhor forma de manter todo o restante do seu corpo em plena forma saudável. Exercite-o e desfile também suas habilidades intelectuais!

Ah!, e confira mais dicas sobre uma área externa bem aproveitada e como forma de lazer dentro do seu lar no nosso blog, bom proveito!

Responder

Deixe uma resposta